15 de julho de 2017

A PACIÊNCIA - Por Vicente Almeida



Não importa quem está com a razão, importa mesmo é evitar discussões desgastantes e improdutivas.

Quem está com a razão é mais capaz de ceder do que aquele que não a tem.

Muitas brigas surgem motivadas por pouca coisa ou coisas nenhuma, mas se avolumam e se inflamam com o calor da discussão. Isso acontece porque algumas pessoas têm a tola pretensão de não levar desaforo para casa e terminam é levando muita amargura dentro de si. As vezes passa tanto tempo para esquecer ou perdoar  que se transforma em mágoa resultando daí inúmeras doenças nervosas.

Quando a discussão é acalorada e no seio da família resulta em tensão e nervosismo, o que só faz mal para todos, e muitas vezes as consequências são devastadoras e irreversíveis.

Para nosso bem, o bom seria evitar discussões improfícuas e desnecessárias. Quem age assim sempre sai ganhando, pois, não se desgasta com emoções que inexoravelmente lhe provocariam sérios problemas de saúde.

Toda discussão abala nosso sistema imunológico e a longo prazo somos a própria vítima de nosso orgulho, preconceito e prepotência. Mesmo tendo razão nem por isso devemos ser arrogantes.

Na  vida é muito importante aprender a arte de não se irritar e deixar por menos ou encontrar uma saída inteligente. Existe saída inteligente e honrada para tudo, principalmente se um dos contendores assim o desejar.

Quem se irrita aspira o tóxico que exterioriza em volta e envenena a si próprio violentando seu eu interior que precisa de paz.

Pense em você. Pense também nos outros.

Escrito por: Vicente Almeida

Nenhum comentário:

Postar um comentário